You are currently viewing Liderança feminina: 10 exemplos de mulheres inspiradoras

As mulheres ainda buscam seu espaço em cargos relevantes dentro das empresas. Felizmente, cada vez mais lideranças femininas despontam e possibilitam uma maior igualdade de gênero em diferentes segmentos.

As mulheres ainda buscam seu espaço em cargos relevantes dentro das empresas. Felizmente, cada vez mais lideranças femininas despontam e possibilitam uma maior igualdade de gênero em diferentes segmentos.

Angela Merkel

Possivelmente a mulher mais poderosa do mundo, Angela Merkel é a chanceler da Alemanha desde 2005, ocupando o cargo mais alto na política da potência europeia.

Dentre as grandes ações de Merkel, estão o acolhimento de refugiados em 2015 e a busca por relações multilaterais com países de diferentes continentes. Sob a sua gestão, a Alemanha manteve a solidez econômica e seguiu como uma das maiores forças industriais do mundo.

Chieko Aoki

A japonesa Chieko Aoki tem uma trajetória empreendedora de incrível sucesso no Brasil. Fundadora e presidente da rede Blue Tree Hotels, ela conduziu seu negócio a um patamar de destaque e um faturamento de milhões de reais por ano.

Além da atuação em sua própria empresa, Chieko Aoki também participa de associações e grupos de líderes para propor novos caminhos ao empreendedorismo no Brasil.

Cristina Junqueira

Quantas pessoas têm a honra de serem cofundadores de um unicórnio? Cristina Junqueira faz parte desse seleto grupo, a empresária foi uma das responsáveis pela criação do Nubank, startup financeira de destaque global que já superou o valor de mercado de US$ 1 bilhão.

A engenheira, que figurou em diversas listas das mulheres mais poderosas do Brasil, segue bastante ativa no contínuo crescimento do Nubank.

Jacinda Ardern

Aos 37 anos de idade, Jacinda Ardern se tornou a mais jovem primeira-ministra da Nova Zelândia, em 2017. A líder política se notabiliza pela sensibilidade com que conduz assuntos delicados que uma chefe de estado tem de encarar.

Jacinda Ardern vai além das fronteiras de seu país e procura transmitir ao mundo a ideia de que a Terra pode e deve ser um lugar melhor para todos. O tom conciliador é uma marca de Ardern e serve de inspiração para quem deseja manter a harmonia em sua equipe.

Luiza Trajano

A líder da gigante varejista Magazine Luiza é um grande exemplo de empreendedora brasileira. Luiz Trajano levou sua pequena loja em Franca, interior de São Paulo, a um patamar que poucos poderiam imaginar.

Além dos resultados espetaculares que atingiu nos últimos anos no Magazine Luiza, a executiva lidera o grupo Mulheres do Brasil. A iniciativa reúne mulheres que atuam em diferentes segmentos com o propósito de discutir ações ligadas a educação, empreendedorismo e inclusão feminina.

Malala Yousafzai

O ativismo de Malala Yousafzai fez dela uma das grandes personalidades do século XXI. Ela ficou conhecida por sua luta pelo acesso das mulheres à educação no Paquistão, mais especificamente em uma área dominada pelo grupo fundamentalista talibã.

Malala ganhou destaque mundial após sobreviver a um atentado em 2012 e, posteriormente, conquistou o Prêmio Nobel da Paz aos 17 anos de idade. A ativista, que segue enfrentando desafios e inspirando pessoas de todo o mundo a lutarem pela paz.

Mary Barra

Há seis anos, Mary Barra preside uma das maiores empresas automobilísticas do mundo, a General Motors. A líder se destaca por ser a primeira mulher a assumir o posto mais alto em uma grande montadora.

A trajetória de Mary Barra na presidência da GM teve momentos de turbulência, que foram prontamente enfrentados pela executiva. Líderes podem aprender com ela a importância de encarar os problemas e não fugir à responsabilidade, tendo sempre a transparência como valor fundamental.

Oprah Winfrey

Oprah Winfrey é muito mais do que uma excelente entrevistadora. Uma das mulheres mais conhecidas do mundo se tornou também uma empresária muito admirada. O caminho ao topo passou diretamente pelo cuidado de Oprah na montagem de sua equipe e na atenção que deu à sua marca.

A apresentadora e empresária nos mostra que sonhar grande faz bem e pode nos levar muito além do que se imagina. Para isso, é preciso ter paixão e dedicação.

Paula Bellizia

CEO da Microsoft Brasil entre 2015 e 2018, Paula Bellizia se tornou uma grande referência feminina em tecnologia no país. A executiva fala por uma maior diversidade no mercado e mais espaço para que outras mulheres possam conquistar cargos relevantes.

Paula foi uma das caras da campanha “Meninas podem programar”, cujo objetivo é mudar a ideia de que os cargos na área de tecnologia devem ser ocupados, prioritariamente, por homens.

Sheryl Sandberg

Considerada uma das mulheres mais poderosas do mundo, Sheryl Sandberg é a Chefe de Operações (COO) do Facebook há quase 12 anos. Uma de suas grandes lições é o diálogo entre líderes e colaboradores, pois acredita que quem coloca a mão na massa pode gerar os melhores insights.

Sheryl Sandberg também defende que as empresas entendam os erros como parte da evolução. Com bons feedbacks, cada um pode crescer e o negócio tem a ganhar de forma mais ampla.